Portal Franca

Política

CPI revela possíveis presentes de pedras preciosas a Bolsonaro e tentativa de venda de relógio Rolex por ex-ajudante

há 9 mesesfonte: gcn

Documentos obtidos pela CPI do 8 de janeiro apontam que ex-presidente Jair Bolsonaro teria recebido pedras preciosas como presente. Trocas de emails indicam que o ex-ajudante de ordens Mauro Cid tentou vender um relógio Rolex dado ao ex-presidente. Bolsonaro compartilhou reportagem, mencionando doador das pedras. A CPI pediu investigação à PGR sobre origem das pedras e possível peculato. Mauro Cid é alvo de investigações no STF e teve relatório do Coaf apontando movimentações atípicas. Bolsonaro já reconheceu joias recebidas da Arábia Saudita, negando irregularidade.

* resumo gerado com base na matéria do site gcn
clique aqui para ver a matéria original

Mais notícias do gcn